Aprender
estar atento a cada voo
olhar para dança no espaço
das linhas invisíveis
que vai mapear para nossa memória
numa geografia outra
elaborar uma história
que vai além das ciências exatas
atravessa todas as sombras
e chega, não é mais comum nos dias,
no humano e no feliz sentimento
da autoria de pensamento.

Aprender
deixar-se levar pelos núcleos
do arco-íris de
ideias que brotam o
desejo de conhecer,
fazer esforço, quase mágico,
para descobrir, para desviar ou novo.

A cada voo
uma outra luz nascente.

Em cada cor
uma margem guarda,
secretamente,
nova luminosidade.

Katia Tavares

Imagem de  S. Hermann & F. Richter  por  Pixabay

COMENTÁRIOS




Na casa do Rubem
Nossa missão é disseminar e eternizar o legado de Rubem Alves. Tocar o coração das pessoas despertando-as para o melhor que há nelas, otimizando assim os ambientes que as cercam.